Vídeo do projeto Ampliando o PenseSUS discute o SUS nas redes sociais

Imagem do flyer da campanha "Minha experiência no SUS", com imagem parcial de rosto de uma pessoa e postagens do Facebook

29/06/2018
Marina Maria (PenseSUS)


Está no ar #MinhaExperiênciaNoSUS, vídeo resultante do projeto "Ampliando o PenseSUS: a implementação de redes sociais como estratégia de interação e debate sobre o Sistema Único de Saúde (SUS)”, financiado pelo Programa de Indução à Pesquisa & Desenvolvimento Tecnológico, do Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde da Fiocruz (PIPDT/Icict/Fiocruz). A produção trata da circulação de discursos sobre o SUS nas redes sociais, a partir da campanha #MinhaExperiênciaNoSUS, lançada no contexto do projeto, em fevereiro de 2017, e mobilizando usuários do Facebook a enviar relatos sobre vivências pessoais ao usar os serviços do SUS. 

Realizado pela VideoSaúde Distribuidora da Fiocruz, o vídeo apresenta a tentativa da campanha de possibilitar mais interação com o público, convidando os usuários do Facebook a compartilhar sua experiência no SUS e buscando formas de ampliar o debate sobre o sistema público de saúde. Segundo Daniela Muzi, coordenadora do projeto “Ampliando o PenseSUS” e realizadora do vídeo, o objetivo com a produção foi apresentar à sociedade reflexões e desafios para comunicar o SUS nas redes sociais. “O debate sobre o SUS ainda é muito restrito à comunidade acadêmica e aos profissionais da saúde. Um desafio é falar além dos pares e romper a bolha de nossos ciclos sociais sensibilizando outros públicos. Outro é o desconhecimento sobre o SUS. Nós não temos ideia do quanto o SUS está presente em nossas vidas e o quanto ele é fundamental para garantir a saúde enquanto direito de todos”, explica Daniela, que também destaca a potencialidade da imagem em movimento enquanto estratégia de comunicação pelo seu dinamismo e possibilidades de circulação.

A campanha #MinhaExperiênciaNoSUS foi uma das ações do projeto “Ampliando o PenseSUS”, que entre outubro de 2016 e junho de 2017 viabilizou a moderação regular de perfis do site PenseSUS no Facebook e Twitter, a fim de estabelecer uma comunicação mais democrática e descentrada e que permitisse a disseminação de informações e a oferta de um espaço para a escuta sobre vivências no SUS. O projeto apostou em uma linguagem coloquial para se aproximar das pessoas por meio destes canais e tentar compreender o que estas vêm pensando sobre o SUS e quais são suas demandas de saúde. Ao longo da implementação da campanha, Daniela Muzi lembra que a equipe envolvida se deparou com dificuldades do contexto da Comunicação e Saúde, entre as quais garantir que as múltiplas vozes e discursos fossem acolhidos e tivessem espaço: 

- A campanha apoiou-se no relato de experiência como forma de falar sobre esse SUS, o que tem pontos fortes, mas também tem dificuldades e aí destaca-se mais um desafio, que é falar das controvérsias [do SUS], conciliando a ideia de uma comunicação pública (que exige o máximo de imparcialidade) com a ideia de uma comunicação institucional, facetas da prática comunicacional na Fiocruz. 

Com o projeto “Ampliando o PenseSUS”, que também contou na equipe com a participação de Juliana Krapp e Marina Maria, jornalistas do Icict/Fiocruz, e administração nas redes sociais da jornalista Clarisse Cavalcante, Daniela avalia que as redes sociais podem contribuir para ampliar o conhecimento sobre o SUS, assim como ampliar o seu desconhecimento. De acordo com ela, “recentemente temos visto uma série de exemplos de veiculação de fake news. De todo modo, as redes sociais têm se conformado como uma forma de sociabilidade importante na contemporaneidade, que configura novas práticas comunicacionais como o compartilhamento de informações em rede e o ciberativismo”.

O vídeo #MinhaExperiênciaNoSUS está disponível no canal do YouTube da VideoSaúde. Assista a seguir a produção, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=p5QkgHmGmzQ&feature=youtu.be